10.10.11

Dieta de um Bebê Gordinho - Semana da Criança Parte I



Parei para pensar no que postaria essa semana e acabei me animando quando “caí” no blog da Fernanda Reali. Ela sugeriu uma semana inteira de posts sobre as crianças e justo na segunda-feira o tema sugerido foi "Dieta Coletiva: gordinhos e magrinhos", tudo a ver com o Estar Bem Melhor. Resolvi então, contar para vocês um pouco da alimentação saudável do meu gordinho, que hoje está com 1 ano e 3 meses, acrescentando dicas para as mamães, sobre as diferentes fases que ele passou até agora.

Inserindo frutas e a descoberta do figo

O Matheus mamou no peito exclusivamente até os 5 meses e meio. Comecei a inserir sucos e frutas nessa fase e o famoso suco de laranja lima foi logo bem aceito, como é até hoje. Quanto às frutas, a primeira que ele aceitou bem foi bananinha amassada, mas com o tempo foi gostando de outras e hoje come qualquer fruta.

Uma fruta, um pouco inusitada que ele adorou e eu sugiro que as mamães experimentem dar é o figo! O figo é docinho, tem sabor suave e é a fruta mais prática para dar para bebês pequenos, porque basta abrir e raspar com a colherinha, não precisa descascar, nem picar e nem amassar! Amei na época que descobri! A desvantagem é que não é fácil achar figo bom e também parece ser muito vulnerável a absorção de agrotóxico, por isso, aquela figueira da casa do vovô é perfeita! Você pode procurar figo orgânico ou quem sabe plantar um pezinho se tiver espaço.

Outra dica que dou para essa fase é dar a mamadeira na mão do bebê. Claro que você vai ter que ajudar, mas já vai ensinando ele a segurar sozinho. Não sugiro isso só pela praticidade, mas também pelos primeiros passos da independência do bebê.


 As primeiras papinhas e a tal peneira

Com 6 meses já era hora de inserir papinhas salgadas. Segui a orientação do pediatra quanto às porções de alimentos necessários e minha sogra me ensinou a usar a peneira, já que na época eu achava que a comida não passaria por aqueles buraquinhos rsss.

Essa fase foi bem trabalhosa, mas acho que é uma transição necessária porque o bebê está acostumado só com alimento líquido, então, pular do leite para pedacinhos seria complicado, assim como destruir os nutrientes no liquidificador também não é recomendável. Só nos resta a tal peneira...

Acho que usei a peneira tempo demais, talvez por um mês e depois uma transição, parte peneirada e parte amassadinha, já seja bacana. Provavelmente vou tentar assim com um possível segundo filho, então, já fica a dica para as mamães novatas.

Evolução rápida de um gordinho, os lanchinhos e as besteiras

A fome do Matheus aumentou absurdamente depois dos 6 meses. Comecei a dar a papinha salgada de almoço e uma semana depois já inseri também no jantar, porque senti que ele estava sentindo muito mais fome e apesar de ainda mamar no peito, o leite não bastava mais.

Como ele sempre comeu muito bem, ficou fácil manter a alimentação saudável, bem equilibrada e sem besteiras. Mas às vezes as besteiras são mais práticas e aí que mora o perigo. Por exemplo, dou suco pelo menos duas vezes ao dia para ele, mas espremer laranja toda hora não é muito prático, além de não ser possível levar na bolsa quando saímos. Então, uso duas soluções: compro suco de caixinha sem conservante para algumas ocasiões, mas como tem açúcar, item totalmente desnecessário para o bebê, já carreguei muito a peneirinha fina para poder pedir suco natural em um restaurante ou quiosque no shopping e coar bem para passar na mamadeira. Hoje a peneirinha fina já não é necessária porque ele toma no copinho de transição e a peneira normal, que tem em todo lugar, costuma ser suficiente.

Fonte: Site babybestbuy.in.th
O do Matheus era de banana!
Para um lanchinho fora de casa, a madrinha do Matheus deu para ele um biscoitinho americano maravilhoso, que é bem pequenininho, desmancha na boca e ainda é nutritivo, diferente das famosas bolachinhas de maisena e de polvilho. Se tiver a oportunidade de comprar esse biscoitinho, vale a pena, além de tudo é uma ótima forma do bebê começar a pegar o alimento com a mãozinha e comer sozinho. Chama Graduate Puffs da marca Gerber, que é do grupo Nestlé.

Como ainda não tem nada parecido para vender aqui, tive que buscar outras alternativas, como a bisnaguinha, por exemplo. Mas não estou feliz com essa parte da dieta do meu pequeno, então, estou tentando uma receita de biscoitinho saudável para fazer pequenininho ou uma bisnaguinha integral. Se tiverem alguma sugestão, por favor, me mandem!

Mais dicas saudáveis

·            Regar o prato do bebê com um fio de azeite extra virgem, pois frio, esse óleo conserva melhor todos os seus nutrientes e ainda da um sabor especial. Só deve ser evitado em dias de intestininho solto.

"Risotinho" integral de abóbora com espinafre e carne moída


·            Sempre que possível, prefira os alimentos orgânicos e lembre-se que os integrais são muito mais ricos em nutrientes.
  
·            Experimente a comida do seu bebê. Se você não achar gostoso, existe grande chance dele também não achar.

·        Rotina, rotina e rotina! Tanto para gordinhos quanto magrinhos, a rotina da alimentação é muito importante. O mesmo número de refeições sempre nos mesmos horários, de 3 em 3 horas. Dessa forma, além da segurança que o bebê tem de saber que vai ser sempre igual, evita-se comer demais ou de menos. Aliás, essa dica vale para todos nós!

E para finalizar, acho válido lembrar que nós mães e pais, somos responsáveis pelos hábitos alimentares dos nossos filhos e somos os principais exemplos para eles. Então, se você quer que o seu filho tenha uma alimentação saudável, você também precisa ter! Quer motivação melhor?!

Ainda essa semana, vamos falar de Festinhas mais Saudáveis para os pequenos de todas as idades! Se tiver alguma sugestão ou alguma dica de alimentação de bebês e crianças, deixe um comentário!

Boa semana das crianças!!!


4 comentários:

  1. Olá, também adorei conhecer seu blog, meu blog está um pouco parado, pois tenho dado muitas aulas no colégio e em casa de reforço, obrigada por me visitar,é um prazer conhecê-la

    ResponderExcluir
  2. Milena Gabas19/10/11 01:04

    Dear, em breve chegam as Graduate Puffs, a madrinha acha mais prático do que a receita de biscoitos integrais.
    Adorei o texto.

    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Sem duvidas Dinda!! Brigada viu!! Aparece mais por aqui! Se tiver alguma sugestão para publicar aqui no blog, será muito bem vinda!
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Julia, consegui o Graduate Puffs, o Enrico está adorando, é super bonitinho ver ele pegar os biscoitinhos no pote e levar à boca, um a um...Ah, estou adorando o blog!!! Bjs

    ResponderExcluir

Comente!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...